04/02/2016 às 13h31min - Atualizada em 04/02/2016 às 13h31min

O Cantinho Poético: Mário Quintana

DO  ESTILO

Fere de leve a frase ... E esquece ...  Nada 
Convém  que se repita ...
Só em linguabem amorosa agrada 
A mesmo coisa cem mil vezes dita ...

MÃE

Mãe ! são três letras apenas
As desse nome bendito :
Três letrinhas , nada mais ...
E nelas cabe o infinito .
E palavra tão pequena 
 _  confessa mesmos ateus 
 _  É do tamanho do céu ! 
E  apenas menor que Deus ...



OS  POEMAS

Os poemas são pássaros que chegam 
não se sabe de onde pousam 
no livro que lês .
Quando fechas o livro , eles alçam voo 
como de um alçapão .
Eles não têm pouso 
nem porto ; 
alimentam-se um instante em cada 
par de mãos e partem .
E olhas , então , essas tuas mãos vazias ,
no maravilhoso espanto de saberes 
que o alimento deles já estavam em ti ... "



IDADE DE SER FELIZ 


Existe somente uma idade para a gente ser feliz,
somente uma época na vida de cada pessoa 
em que é possível sonhar e fazer planos 
e ter energia bastante para realizá-los
a despeito de todas as dificuldades e obstáculos.
Uma só idade para a gente se encantar com a vida
e viver apaixonadamente
e desfrutar tudo com toda intensidade
sem medo nem culpa de sentir prazer.
Fase dourada 
em que a gente pode criar e recriar a vida 
à nossa própria imagem e semelhança
e vestir-se com todas as cores
e experimentar todos os sabores
e entregar-se a todos os amores
sem preconceito, nem pudor.
Tempo de entusiasmo e coragem
em que todo desafio é mais um convite à luta
que a gente enfrenta 
com toda disposição de tentar algo novo,
de novo e de novo,
e quantas vezes for preciso.
Essa idade tão fugaz na vida da gente
chama-se PRESENTE
e tem a duração do instante que passa ...



O TEMPO
 
A vida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa . 
Quando se vê , já são seis horas ! 
Quando se vê , já é sexta-feira !
Quando se vê , já é natal ...
Quando se vê , terminou o ano ... 
Quando se vê , perdemos o amor da nossa vida .
Quando se vê , passaram 50 anos !
Agora é tarde demais para ser reprovado ...
Se me fosse dado um dia , outra oportunidade , eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas...

Seguiria o amor que está à minha frente e diria que o amo ...
E tem mais : não deixe de fazer algo de que não gosta devido à falta de tempo .
Não deixe de ter pessoas ao seu lado por puro medo de ser feliz.
A única falta que terá será a desse tempo que , infelizmente , nunca mais voltará 
 
A linguagem mítica manifestada na estrutura dos poemas pode também construir-se na estrutura da prosa poética . Mário Quinta na utiliza muito essa tipologialiterária na criação de espaço e estilo para suas poesias . Hoje será postado o sexto trabalho no CANTINHO POÉTICO : uma prosa mítica cujo tema tem em sua extensão uma mensagem subliminar para uma criança de 8 a 80 anos . Conclamamos a todos aqueles que acompanham nossas postagens a uma leitura aguçada nos detalhes da beleza poética de Quintana , no conto ora expresso.
 
VELHA HISTÓRIA
Era uma vez um homem que estava pescando , Maria . Até que apanhou um peixinho ! Mas o peixinho era tão pequenininho e inocente , e tinha um azulado tão indescritível nas escamas , que o homem ficou com pena . E retirou cuidadosamente o anzol e pincelou com iodo a garganta do coitadinho . Depois guardou-o no bolso traseiro das calças , para que o animalzinho sarasse no quente . E desde então ficaram inseparáveis . Aonde o homem ia , o peixinhoo acompanhava , a trote , que nem um cachorrinho .
 
Pelas calçadas . Pelos elevadores . Pelos cafés . Como era tocante vê-lo no " 17 " ! _ o homem , grave , de preto , com uma das mãos segurando a xícara de fumegante moca , com a outra lendo o jornal , com a outra fumando , com a outra cuidando o peixinho , enquanto este , silencioso e levemente melancólico , tomava laranjada por um canudinho especial ...

Ora , um dia o homem e o peixinho passeavam à margem do rio onde o segundo dos dois fora pescado . E eis que os olhos do primeiro se encheram de lágrimas . E disse o homem ao peixinho :

" Não , não me assiste o direito de te guardar comigo . Por que roubar-te por mais tempo ao carinho de teu pai , da tua mãe , dos teus irmãozinhos , da tua tia solteira ? Não , não e não ! Volta para o seio da tua família . E viva eu cá na terra sempre triste ! ... " 

Dito isto , verteu copioso pranto e , desviando o rosto , atirou o peixinho n'água . E a água fez um redemoinho , que foi depois serenando , serenando ... até que o peixinho morreu afogado ... "

Encerrando a série de homenagem ao grande poeta Mário Quintana , selecionamos suas maravilhosas FRASES E PEQUENAS POESIAS que , embora reduzidas em sua extensão , expressam uma enorme dimensão nas mensagens que traduzem .
 
O CANTINHO POÉTICO agradece a todos que dedicaram seus preciosos momentos à leitura da criação genial de MÁRIO QUINTANA e comunica que na próxima semana serão postadas as poesias de CECÍLIA MEIRELES .
 
FRASES E PEQUENAS POESIAS DE QUINTANA :
 
" O SONHO "
Sonhar é acordar-se para dentro . 
" AS PULGAS " 
As pulgas saltam tanto porque também têm pulgas .
" HORROR "
Com seus OO de espanto , seus RR guturais , seu hirto H , HORROR é uma palavra de cabelos em pé , assustada da própria significação .
" CORRETO " 
Amar é mudar a alma de casa .
" MENTIRA ? " 
A mentira é uma verdade que se esqueceu de acontecer . 
" CLOPT ! CLOPT ! "
É a ruazinha que tosse , tosse , engasgada com o homem da muleta .
" O GATO " 
O gato é preguiçoso como uma segunda-feira . 
" O HIPOPÓTAMO " 
O hipopótamo é um bruto sapatão afogado .
" IMAGINAÇÃO " 
A imaginação é a memória que enlouqueceu .
" CARTAZ PARA UMA FEIRA DE LIVRO " 
" Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não leem . "
" BOAS MANEIRAS "
Os anjos não dão de ombros , não ; quando querem mostrar indiferença , os anjos dão de asas . 
" CANÇÃO DE INVERNO " 
" Pinhão quentinho !
Quentinho pinhão ! " 
( E tu bem juntinho 
Do meu coração ... ) 
" MOMENTOS " 
O mundo é frágil
E cheio de frêmitos 
Como um aquário ...
Sobre ele desenho
Este poema : imagem 
De imagens !
" DA DISCRIÇÃO "
Não te abras com teu amigo 
Que ele um outro amigo tem .
E o amigo de teu amigo 
Possui amigos também ...
" ENVELHECER "
Antes , todos os caminhos iam.
Agora todos os caminhos vêm .
A casa é acolhedora , os livros poucos .
E eu mesmo preparo o chá para os fantasmas .
Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »