22/11/2017 às 16h26min - Atualizada em 22/11/2017 às 16h26min

Vereadores aprovam representação ao Governador contra reclassificação da 6ª Cia. P.M. de Leopoldina

Eles consideraram esse fato inconcebível para a população, sobretudo pelo quadro de insegurança gerado no município a partir desta possibilidade.

O Presidente da Câmara de Leopoldina, Darci José Portela discursou no Centro Cultural.(Foto:João Gabriel Baía Meneghite)
Na sessão ordinária realizada no dia 20, a Câmara Municipal de Leopoldina aprovou por unanimidade o encaminhamento de uma representação, assinada por todos os vereadores, expressando o posicionamento contrário à reclassificação da 6ª Companhia de Policia Militar Independente, sediada no município. Vários vereadores estiveram presentes à reunião realizada na segunda-feira, 20 de novembro, no Centro Cultural Mauro de Almeida Pereira, onde o Presidente da Câmara Pastor Darci José Portela discursou anunciando que a representação ao Governador seria feita.
 
No documento, os parlamentares informam que tomaram conhecimento da possibilidade de rebaixamento da 6ª Companhia de Polícia Militar Independente, segundo estudos que estão sendo avaliados pelo Comando da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) e pelo Governo do Estado de Minas Gerais. Eles consideraram esse fato inconcebível para a população, sobretudo pelo quadro de insegurança gerado no município a partir desta possibilidade.
 
No texto da representação, os vereadores destacam a criação da 6º Cia. PM Independente, cuja instalação se deu no dia 22 de janeiro de 2009 e atualmente atende a um total de 15 municípios, com uma população estimada em 243 mil habitantes. Também foram inseridos dados oficiais sobre o município de Leopoldina, sua posição geográfica e sua infraestrutura rodoviária, por onde passam milhares de pessoas diariamente.
 
Os vereadores apontaram a onda de violência e aumento da criminalidade, que não ocorrem somente em Leopoldina, para considerar a reclassificação da 6º Cia. PM Independente como um enorme retrocesso e um desrespeito aos interesses dos cidadãos e contribuintes. Eles também ressaltaram que esse ato afronta a memória daqueles que, no passado, seja no campo civil, seja no campo militar, empenharam-se para ver a então 34ª Cia. Esp. PM ser elevada à condição de 6ª Cia. PM Independente.
 
Os parlamentares também revelaram que se sentiram surpreendidos com a sinalização de que a Unidade da PMMG venha ser reclassificada, já que, no momento, o Legislativo está trabalhando em várias frentes para elevar a 6ª Cia PM. Independente à condição de Batalhão, a exemplo de Ubá, Muriaé, Juiz de Fora e Barbacena.
 
Ao final do documento, os vereadores requereram ao Governador de Minas, Fernando Pimentel, que reavalie os estudos relacionados ao rebaixamento da 6ª Cia. PM Independente, fazendo justiça a esta terra de inegáveis contribuições prestadas a Minas Gerais e ao Brasil.


 Vários vereadores compareceram à reunião que aconteceu no Centro Cultural.
 (Foto: João Gabriel Baía Meneghite)

Fonte> Câmara Municipal de Leopoldina

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »