11/11/2019 às 14h14min - Atualizada em 11/11/2019 às 14h14min

Centro Cultural inicia nesta quarta-feira, (13) exposição de Glória Barroso

Com curadoria de Márcia Vaz Barbosa, as obras estarão expostas e à venda até fevereiro de 2020

Glória Barroso tem exposição no Centro Cultural até 2020
Será inaugurada nesta quarta feira, dia 13 de novembro de 2019, no Centro Cultural Mauro de Almeida Pereira, em Leopoldina, a exposição da artista plástica e escritora, Glória Barroso. As obras estarão expostas e à venda até fevereiro de 2020. A curadoria é de Marcia Vaz Barbosa.
 
Em dezembro, durante a exposição, será feito o lançamento do livro infantil " A história da BRUXA ESDRÚXULA  e os meninos valentes", com foco no meio ambiente, e será adotado em algumas escolas de Leopoldina. No ano que vem será lançado em Cataguases, no Centro Cultural do Sicoob.Quem assina o prefácio do livro é Joaquim Branco. Gloria  foi a ilustradora do seu último livro, são parceiros  na arte.
 
Simultaneamente, está acontecendo a exposição "Mecenas dos Anjos", de Luiz Raphael Domingues Rosa, no Hotel Minas Tower, em Leopoldina.A exposição ficará até dezembro de 2019, também com curadoria da jornalista Marcia Vaz. As obras de  Luiz Raphael Domingues Rosa  estão à venda no Minas Tower.
 
Pequena biografia de Glória Barroso
 
Glória Barroso nasceu em Leopoldina, na Fazenda Recreio. Desde criança mostrou gosto pelo desenho e pela literatura. Cursou a Escola de Belas Artes, na Universidade Nacional, atual Universidade Federal do Rio de Janeiro, onde teve aulas de  pintura, modelagem, xilogravura, desenho de modelo vivo, história da arte, entre outras matérias.Mais tarde, passou a dar aulas de Educação Artística na Escola Parque, no Ginásio Leopoldinense, na Escola Emílio Ramos Pinto - Anexo - e no Colégio de Aplicação João XXIII, da UFJF, enriquecendo sua formação com cursos na Escolinha de Arte do Brasil, no Rio de Janeiro - escola com visão moderna da arte na Educação - e Licenciatura em Pedagogia na Universidade Santa Marcelina, em Muriaé. Foi casada com Marcello Barroso Domingues, com quem teve 5 filhos: Henrique, Marcela, Claudia, Isabela e Mayra. Fez exposições na Usina Cultural de Leopoldina, em Cataguases, Muriaé, Manhuaçú, Juiz de Fora e Universidade Federal de Viçosa. Ganhou o 1• prêmio de poesia no Concurso Talentos da Maturidade, com o poema “Uma Mulher Como as Outras”. Publicou o livro de poemas “De Sombras e Claridades” pela Editora Sete Letras, além de poemas publicados em várias antologias. É um dos membros fundadores da Academia Leopoldinense de Letras e Artes.

Enviado por Márcia Vaz Barbosa
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »