01/12/2014 às 15h14min - Atualizada em 01/12/2014 às 15h14min

Tarde de domingo com "A Bruxinha que era boa"

O Grupo Seiva de Luz é um parceiro muito querido pela Casa de Leitura Lya Botelho e há algum tempo vem se apresentando aqui na Casa de Leitura, para o encantamento da garotada e, também, do público adulto.
 
Espetáculo teatral tem público certo e cativo e a nossa experiência é a melhor possível. Desde a primeira peça apresentada, "Pluft, o Fantasminha", o público presente superou nossas expectativas. Seguiram-se mais 2 peças infantis, "O Rapto das Cebolinhas" e, agora, "A Bruxinha que era boa", todas escritas por Maria Clara Machado e dirigidas por Zezé Salles.
 
Neste domingo, mais de 250 pessoas fizeram a platéia para os atores do Seiva de Luz contarem a história dessa bruxinha que sentia-se inadequada e sofria um verdadeiro "bulling" das suas colegas. Divertido, muito colorido e, sobretudo, produzido e apresentado com muito carinho e dedicação, o espetáculo foi, uma vez mais, um sucesso.
 
Nossos agradecimentos ao público que aqui compareceu e, é claro, aos atores do grupo, ao pessoal da técnica e, sobretudo, à diretora Zezé Salles que é reconhecidamente um exemplo a ser seguido em seu trabalho em favor das Artes locais.
 
Este espetáculo teve o patrocínio da ENERGISA e o Apoio Institucional da FOJB-Fundação Ormeo Junqueira Botelho.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »