19/12/2020 às 19h47min - Atualizada em 19/12/2020 às 19h47min

Energisa oferece condições especiais de negociação de débitos pelos canais digitais

Nos últimos sete meses, o Grupo Energisa já negociou com mais de 320 mil clientes As negociações podem ser realizadas até 30 de dezembro

Luciana Sarmento/Comunicação Energisa
Para que os clientes comecem o ano com a vida financeira organizada e as contas em dia, a Energisa continua oferecendo condições diferenciadas de negociação. A novidade desse mês é que os clientes que negociarem seus débitos por meio dos canais digitais de atendimento terão isenção de juros e encargos para pagamentos à vista. A iniciativa visa colaborar com a segurança do cliente, tendo em vista os desafios do momento atual com a segunda onda da pandemia da Covid-19.

Nos últimos sete meses, 324 mil clientes negociaram suas dívidas no Grupo Energisa nos 11 estados onde a empresa atua. A regularização de débitos está disponível para clientes residenciais, comerciais e rurais. Outra opção é que com a entrada de 10%, as demais parcelas podem ser distribuídas em até 12 vezes no cartão de crédito, pelo cartão do auxílio emergencial do Governo Federal e também na própria conta de energia.

Nos municípios atendidos pela Energisa Minas Gerais mais de 13 mil clientes já regularizaram suas contas atrasadas. “Além do parcelamento pelo cartão de crédito ou pelo auxílio, a Energisa está disposta a analisar as condições dos seus clientes que podem optar por outras formas de pagamento com entrada reduzida, descontos e flexibilização das parcelas na conta de energia. Estar em dia com a distribuidora evita as ações de cobrança, a suspensão do fornecimento ou a negativação do nome. O 13º salário é uma boa oportunidade para colocar as contas em dia”, explica o gerente de Serviços Comerciais, Luciano Lima.

“A Energisa entende este momento difícil, está analisando o perfil de cada cliente e oferecendo a melhor condição de parcelamento possível. A partir de uma fatura pendente, o cliente já negocia com a empresa de forma simples e ágil em todos os nossos canais de atendimento”, comenta o diretor-presidente da Energisa Minas Gerais Eduardo Mantovani.

Impedimento de suspensão do corte para famílias baixa renda termina em 31 de dezembro

No próximo dia 31 de dezembro, termina o prazo para não suspensão do fornecimento de energia por falta de pagamento para famílias de baixa renda, beneficiadas pela Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE). O decreto, aprovado pelo Congresso Nacional, foi instituído visando mitigar as dificuldades impostas pela pandemia do coronavírus.

A distribuidora reforça as oportunidades de negociação para que esses clientes também negociem suas contas com a empresa. Isso evitará a suspensão do fornecimento de energia a partir de janeiro de 2021.

Negociações sem sair de casa  

Além de negociar com a Energisa sem sair de casa, os clientes podem optar por um dos canais digitais disponíveis de sua preferência. Para negociar pela GISA, assistente virtual disponível 24 horas por dia pelo WhatsApp, é só escrever a palavra Parcelamento e dar início à conversa. Se preferir pelo site, basta acessar a Agência Virtual em https://www.energisa.com.br/paginas/login.aspx, realizar o cadastro e selecionar a opção ‘Negociar Dívida’. No APP Energisa On, só clicar no ícone Parcelamento.  

SERVIÇO:   
  • Site:energisa.com.br    
  • WhatsApp (Gisa): 032 98426-1352 
  • Aplicativo Energisa On (disponível no Google Play ou App Store do celular)  
  • Call Center: 0800 032 196
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »