22/03/2016 às 14h54min - Atualizada em 22/03/2016 às 14h54min

Dia Mundial da Água é comemorado em Leopoldina com caminhada e passeio de barco

No lago da represa da Barra do Braúna, em Leopoldina, alunos do ensino fundamental fizeram um passeio de barco.

João Gabriel B. Meneghite

O Dia Mundial da Água, comemorado no dia 22 de Março, foi instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 1993 para lembrar a importância do benefício e incentivar o uso sustentável dos recursos hídricos no Planeta. Este ano, o tema da ONU é "Água e Emprego” e destaca como a quantidade e qualidade da água pode mudar a vida e o emprego de uma pessoa.

Em Leopoldina, duas atividades foram realizadas: A II Caminhada pela Água envolveu a participação de alunos da rede pública de ensino, instituições públicas e privadas, entidades, entre outros, para uma passeata que teve como principal objetivo conscientizar da população sobre a importância da preservação da água. A concentração ocorreu no início da manhã desta terça-feira (22), na Praça Professor Botelho Reis (Ginásio), seguindo em direção à Praça João XXIII, centro de Leopoldina.



Nesta mesma data, a Polícia Militar do Meio Ambiente  organizou uma aula prática com alunos do ensino fundamental da Escola Municipal Osmar Lacerda França e da Escola Estadual Sebastião Medeiros, do distrito de Ribeiro Junqueira. Na ocasião, mais de 30 alunos visitaram o lago da represa da Barra do Braúna, com acesso pela parte pertencente ao município de Leopoldina.

Além de um debate informal com os policiais e com membros da Secretaria Municipal de Meio Ambiente sobre o porquê é comemorado este dia, os fundamentos da represa e seus impactos, os alunos fizeram uma passeio com embarcações da Polícia Ambiental, conhecendo de perto o lago da represa que é formada com água do Rio Pomba, localizado numa região de população ribeirinha.

Também atuaram como parceiros no evento a Copasa, que forneceu água de beber para os alunos; o Corpo de Bombeiros Militar de Leopoldina, que deslocou militares para apresentação de como funciona os equipamentos utilizados por eles em um resgate, com presença do mergulhador do 4º Pelotão de Leopoldina, Sargento Marcelo, além de policiais do Meio Ambiente das cidades de Cataguases e Além Paraíba.


Segundo o Subtenente Paulo Henrique Lima Carpinetti, do 4º Grupamento de Polícia Militar do Meio Ambiente, localizado no município de Leopoldina, esta foi a primeira vez que a unidade realiza um evento sobre o tema em que os alunos tivessem um contato real com um ambiente de aprendizagem. Carpinetti ficou satisfeito com a interatividade dos alunos, ocasião em que o grupo de trabalho composto por militares, professores e especialistas responderam os questionamentos feitos por eles.



Na avaliação de Lidiane Borges, professora de Biologia da Escola Municipal Osmar Lacerda França, o evento foi muito instrutivo e interativo, tendo em vista que foi utilizada uma linguagem prática, num bate papo informal no qual os alunos aprenderam diversas questões ligadas ao tema. "Vamos ter assunto para toda a semana", comentou a professora.

POLÍCIA MILITAR DO MEIO AMBIENTE: Subtenente Carpinetti, Sgt. Leandro Lima, Cb. Milane, Sgt Frederico, Cb Eduardo e Sgt. Luciano.
SECRETARIA MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE: Saulo Lopes Barbosa e Érika Pereira Bedim.
COPASA: Alessandro
BOMBEIROS: Sd. Alaison, Cb. Faier, Sgt Marcelo e Sd. Kirchmaier

Da redação do jornal Leopoldinense com informações da Polícia Militar do Meio Ambiente, Secretaria do Meio Ambiente e Copasa.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »