27/03/2016 às 11h32min - Atualizada em 27/03/2016 às 11h32min

Maior crise política e econômica!?

Maior crise política e econômica!?

Paulo Lucio – Carteirinho

O assunto mais comentado do momento é a crise política e econômica. Na grande maioria das vezes de forma planejada. Visando criar um clima ruim para que justifique uma tentativa de golpe que está em curso.

Chegam a dizer que essa crise é a maior crise política e econômica da nossa história. Mas será mesmo? Vamos ver o que a nossa História mostra:

1930 – Em 1929 foi eleito presidente do Brasil o candidato governista Julio Preste. Mas quem tomou posse foi Getúlio Vargas, que havia perdido a eleição. O famoso Golpe de 30.

1930 a 1945 – Durante esse período o Brasil foi governado por Getúlio Vargas que deu o golpe no golpe. Implantou uma ditadura e ficou no poder por 15 anos. Período tenso. Marcado pela censura e perseguições.

1954 – Getúlio que havia sido favorecido pelo golpe no passado, agora é vítima dos golpistas. Acostumado a governar via Ditadura, não consegue governar na democracia. Tem dificuldades para lidar com a oposição, além da mídia (sempre presente nos golpes). Vários casos de corrupção não noticiados. Seu governo é taxado como: Mar de Lama. Militares articulam o golpe que só não aconteceu devido o suicídio do Getúlio.

1961 – Jânio Quadros, o Jânio Vassourinha, presidente eleito que dizia que ia varrer a corrupção do Brasil pede renúncia. Uma tentativa de golpe que acabou não dando certo. Tendo em vista que sua renúncia foi aceita pelos políticos e pelo povo.  Com a renúncia de Jânio, seu vice, Jango Goulart, deveria assumir. Mas o mesmo não estava no Brasil, mas na China. Logo aonde. Num país comunista em plena Guerra Fria, quando o mundo se dividia entre capitalista e comunista. Prato cheio para os golpistas que aproveitam o momento para dar um golpe e implantar o parlamentarismo, evitando assim que Jango assumisse. Um fato interessante, o primeiro ministro do Brasil foi Tancredo Neves – Hoje é seu neto que articular o golpe.

1963 – É realizado o plebiscito para ver qual modelo político o povo quer: presidencialismo ou parlamentarismo. O presidencialismo ganha. Jango Goulart então é empossado presidente, mas fica por pouco tempo. Tendo em vista o Golpe Militar.

1964 – Jango é retirado do poder pelos militares. O famoso Golpe Militar. Ou melhor, golpe político, civil, jurídico e militar. Tendo em vista que envolveu políticos, justiça, membros da sociedade civil e militares. Além da mídia.

1964 a 1985 – Durante esse período o Brasil foi governado pela Ditadura Militar. Podemos dizer que essa foi a maior crise política do Brasil. Fim da eleição direta para presidente. Fechamento do Congresso. Censura, tortura, seqüestro, morte, exílio... atentados aos direitos humanos e políticos.

1985 – O povo sai as ruas pedindo o retorno da democracia. Campanha Diretas Já! A Ditadura Militar encerra mas não temos eleições para presidente. É feito um acordo entre políticos e militares criando colégio eleitoral que escolheu o presidente. Disputaram a eleição Tancredo Neves e Paulo Maluf. Tancredo Neves ganha, mas não toma posse, tendo em vista que morre antes de ser empossado. Assume então seu vice, Jose Sarney.

1992 – Fernando Collor, primeiro presidente eleito via eleição direta após a Ditadura Militar sofre impeachment, devido casos de corrupção ligadas a ele e sua família. Assume seu vice Itamar Franco.

1993- O Brasil registra sua maior inflação da história: 2.477,15%.

1997 – Fernando Henrique Cardoso cria a reeleição. Um processo que até hoje está sendo investigado. Há denúncias de compra de votos. O famoso mensalão. No ano seguinte, , FHC é reeleito.

2002 – A taxa de desemprego ultrapassa os dois dígitos. Chega a 12,5%. Isso aconteceu no último ano do governo FHC

2016 -?

Como o leitor pode notar, nossa política é marcada por crises e golpes. Tivemos presidentes eleito que não tomou pose; presidente que cometeu suicídio; presidente que pediu renúncia; criação do parlamentarismo na marra; golpe militar; impeachment; compra de voto para a reeleição.

Corrupção então nem se fala. Como citei anteriormente, o governo de Getúlio Vargas foi taxado como Mar de Lama. Jânio Vassourinha dizia que ia varrer a corrupção mas acabou varrido da política. No período militar tivemos corrupção, mas a censura e a perseguição não permitiam investigar. Collor o caçador de marajás foi cassado por causa da corrupção. As privatizações na era FHC foram o maior crime contra o povo. Não poderia deixar de fora o mensalão e petrolão praticados na era Lula.

Na questão econômica, o Brasil já chegou a registrar inflação na casa de 2 mil %. Hoje ela tá na casa de 10%. O desemprego com dois dígitos, como citei, em 2002 foi registrado 12,6%. Hoje tá na casa de 6,9%, quase a metade.

Aí vem um “cientista político” dizer que o Brasil vive sua maior crise político e econômica.
Quem enganar a quem? Quem diz isso não está mal informado, mas sim mal intencionado. Como diz um ditado: Uma mentira contada mil vezes acaba se tornando verdade.

De tanto a mídia falar que essa é a maior crise, muitos acabam acreditando. Porém, basta pesquisarmos na história -, como fiz- para desmentir isso. Caso não queiram recorrer o passado, então analisem o presente. Passamos sim por uma crise, mas o povo tá vivendo bem melhor que antes. Muitos conseguiram a tão sonhada casa própria. Acesso a faculdade. Compra de veículo. Acesso a tecnologia e ao consumo. Não se fala mais em fome... .

Vivemos sim a maior crise da democracia. Que corre risco. Por isso devemos dizer não ao golpe. Garantindo  assim a democracia. 

<div id="fb-root">
</div>
<script>(function(d, s, id) {  var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];  if (d.getElementById(id)) return;  js = d.createElement(s); js.id = id;  js.src = "//connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.3";  fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);}(document, 'script', 'facebook-jssdk'));</script><div class="fb-post" data-href="https://www.facebook.com/permalink.php?story_fbid=205772423123066&amp;id=100010709291549" data-width="500">
<div class="fb-xfbml-parse-ignore">
<blockquote cite="https://www.facebook.com/permalink.php?story_fbid=205772423123066&amp;id=100010709291549">
Publicado por <a href="https://www.facebook.com/people/Paulo-Lucio/100010709291549">Paulo Lucio</a> em&nbsp;<a href="https://www.facebook.com/permalink.php?story_fbid=205772423123066&amp;id=100010709291549">Segunda, 21 de março de 2016</a></blockquote>
</div>
</div>
 

Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »